Comunidades - Macrófitas Aquáticas - Decomposição

O processo

De maneira geral, o processo de decomposição ocorre em duas fases. A primeira fase é decorrente principalmente de processos físicos como a lise celular e lixiviação, causando rápida perda de compostos solúveis não estruturais (açúcares simples, proteínas e nutrientes). Como nas plantas aquáticas o conteúdo de carboidrato solúvel corresponde de 70 a 96% do carboidrato mobilizável, poucos dias após a incubação do material vegetal, considerável perda de peso pode ocorrer devido principalmente à liberação do carboidrato mobilizável. Na segunda fase processos biológicos são predominantes. Quando a degradação dos componentes estruturais (lignina, celulose, etc.) inicia, ocorrem reações enzimáticas seguido da degradação e ruptura de complexos compostos orgânicos, liberando moléculas que podem ser prontamente assimiladas por microrganismos. Na segunda fase, a liberação de compostos químicos presos no esqueleto vegetal é lenta.

Na região tropical, em particular na região amazônica, a decomposição de 50 % ou mais do material vegetal ocorre durante a primeira fase da decomposição, particularmente no primeiro mês.

Fração vegetal fresca após 60 dias de decomposição.